HOSPITAL PRONCOR

Hospital em Campo Grande/MS

Internação | UTI | Cirurgias

R. Raul Pires Barbosa, 1.800,

Chácara Cachoeira.

CENTRO MÉDICO PRONCOR

Agende consultas médicas em

Campo Grande/MS

 

Rua Oceano Ártico, 133,

Chácara Cachoeira.

EXAMES DIAGNÓSTICOS

Agendamento de exames em

Campo Grande/MS.

67 9 9674 8092

SIGA O PRONCOR

  • Facebook Proncor
  • Instagram Proncor
  • Linkedin Proncor

CERTIFICAÇÕES E PROJETOS

Primeiro Hospital pet Friendly Proncor

___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

RESPONSÁVEL TÉCNICO

Dr. Eduardo Henrique Curado Elias | CRM MS 4608

  • Hospital Proncor

Ministério da Saúde confirma primeiro caso de coronavírus no Brasil | Hospital Proncor

O Ministério da Saúde afirmou nesta quarta-feira (26) que está comprovado o caso positivo de coronavírus na capital paulista. Este é o primeiro caso da doença no país e em toda a América Latina.


Além dele, há outros 20 casos em investigação e 59 suspeitas já foram descartadas.


De acordo com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, o paciente com Covid-19 chegou ao país vindo da Itália. Ele estava assintomático e, depois de alguns dias, procurou um serviço de saúde com sintomas respiratórios. Antes, ele havia participado de uma reunião familiar, o que levou o Ministério da Saúde a colocar 30 pessoas que tiveram contato com ele em observação.


Luiz Henrique Mandetta, recomendou que os brasileiros evitem bebidas tradicionais como tereré e chimarrão. “No caso de estados como Mato Grosso do Sul, de onde venho, e do Rio Grande do Sul, recomendamos que as pessoas evitem bebidas que são compartilhadas de boca em boca, como o tereré e o chimarrão”, disse o ministro.

Leia mais:

Coronavírus: Como epidemias chegam ao fim?

Morcego, vitamina C, 5G e os boatos sobre o coronavírus


Providências

Mandetta afirmou que não serão alterados procedimentos nos aeroportos ou bloqueios a países suspeitos, devido ao grande número de conexões nos voos. "Não existe nenhuma tecnologia que possa nos dizer que quem está dentro de um avião possa estar com o vírus ou não", disse.


"A regra continua sendo: se tem sintomas, não viaje. Viajou? Informe as autoridades quando chega. Passou 14 dias da chegada, se sentir sintomas, procure a rede de saúde da sua cidade."


"Essa é mais uma gripe que o mundo vai ter que atravessar. O mundo não tem fronteiras. Não tem como parar uma pessoa em um lugar. Como todo vírus, a medida de melhor controle é por etapas, é termos agilidade [no diagnóstico]", afirmou Mandetta. "O sistema [de saúde] brasileiro fez tudo com muita agilidade." O ministro reforçou que há pacientes assintomáticos que transmitem a doença, e não há eficácia na testagem de temperaturas, por exemplo.


"Já passamos por epidemias respiratórias graves, como a H1N1. (...) Vamos passar por essa situação investindo em soluções, ciência e informação. [A recomendação é] Higiene, evitar aglomerações desnecessárias, cuidados de etiqueta respiratória, o brasileiro precisa aumentar o número de vezes que lava a mão", afirmou Mandetta.


"Passamos a uma nova fase de providências, no sentido de mitigar os efeitos da doença em SP e em todo Brasil. Nosso comitê de emergência está reunido em SP, e de tarde vamos nos juntar a eles para falar sobre o que deve ser feito. Não muda muito com relação aos casos suspeitos, mas agora temos uma patologia confirmada", afirmou o ministro.


Segundo Mandetta, é possível que o número de casos suspeitos aumente no Brasil, porque aumentou o número de países com mortes.


"Estamos na fase de contenção, que é evitar que o vírus se espalhe. Caso se espalhe, vamos para a fase de mitigação", afirmou o secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson Kleber de Oliveira.


O coronavírus é conhecido desde 1960. A doença provocada pelo novo coronavírus, chamada de Covid-19, está sendo investigada, mas apresenta gravidade moderada a leve, segundo o Ministério da Saúde.


Cada pessoa infectada pode transmitir para duas ou três pessoas, em alguns casos chegando a sete. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o período de incubação varia de 0 a 14 dias, mas já há estudos apontam que os sintomas aparecem de 9 a 10 dias.


Um estudo feito com 44 mil pessoas com casos confirmados apontou que a maioria dos infectados tinha idade entre 40 e 69 anos. Destes, 1.023 morreram. Os quadros mais graves deste estudo apareceram em pessoas acima de 60 anos.


Segundo o Ministério da Saúde, no atendimento, o hospital "adotou todas as medidas preventivas para transmissão por gotículas, coletou amostras e realizou testes para vírus respiratórios comuns e o exame específico para SARS-CoV2 (RT-PCR, pelo protocolo Charité), conforme preconizado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).


Dicas de Prevenção

  • Cobrir a boca e nariz ao tossir ou espirrar;

  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;

  • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;

  • Não compartilhar objetos de uso pessoal;

  • Limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado;

  • Lavar as mãos por pelo menos 20 segundos com água e sabão ou usar antisséptico de mãos à base de álcool;

  • Deslocamentos não devem ser realizados enquanto a pessoa estiver doente;

  • Quem for viajar aos locais com circulação do vírus deve evitar contato com pessoas doentes, animais (vivos ou mortos), e a circulação em mercados de animais e seus produtos.


Precisa de consulta de médico, otorrinolaringologista ou ortopedista pra hoje?

O Hospital Proncor tem o único Pronto Socorro com ortopedista e otorrino de plantão (para crianças e adultos nas duas especialidades).

🚨 Pronto Socorro Geral | R. Maracaju, 1.265 - Centro

👨‍⚕ Centro Médico Proncor | Rua Oceano Ártico, 133 - Chácara Cachoeira

🏥 Hospital Proncor | R. Raul Pires Barbosa, 1.800 - Chácara Cachoeira

👉📱 67 3042 3000

ACESSO RÁPIDO:

Pronto Socorro em Campo Grande

Pronto Socorro 24 horas

Único com clínico geral, ortopedista e otorrino de plantão.

Clique e saiba mais.

proncor.png

Você no centro do cuidado

Conheça os projetos e os diferenciais que fazem o Hospital Proncor único. Tudo pensado para a sua comodidade e segurança.

Clique e saiba mais.

consulta.png
Agendar consultas
A especialidade que você precisa, atende no Centro Médico Proncor. Mais de 20 especialidades em um único lugar. Agende agora.
Convênios Atendidos Proncor