Glicose Baixa: o que pode ser e como identificar? | Hospital Proncor

A glicose é a principal fonte de energia do ser humano. Em pacientes não diabéticos, seus níveis costumam se manter estáveis no sangue, devido a ação dos hormônios insulina e glucagon.


Quando há um aumento no nível de açúcar no sangue, a glicose tende a subir, provocando picos de hiperglicemia no paciente. Devido a alguns maus hábitos alimentares e comportamentais, o nível de açúcar no sangue também pode sofrer uma queda, dando sinais de hipoglicemia no organismo.


A hipoglicemia, também chamada de glicose baixa, apesar de ser um dos efeitos colaterais do tratamento da diabetes, também pode acometer indivíduos saudáveis. Um paciente não diabético pode ser diagnosticado com glicose baixa quando atinge níveis de glicose menores do que 55mg/dl no sangue. Já em pacientes diabéticos, para um quadro de hipoglicemia, são necessários níveis abaixo de 70mg/dl. A



Como identificar a Glicose Baixa?

A glicose, por ser a nossa principal fonte de energia, quando não está em níveis normais no sangue, tende a provocar diversos sintomas, que variam desde uma simples dor de cabeça até perigosas convulsões. Veja abaixo: